Saiba quais são as peças do caminhão que você deve ter atenção!

Os caminhoneiros que desbravam as estradas e as ruas Brasil afora sabem bem como os caminhões consomem e são consumidos nas longas viagens. Muitos fatores aceleram a deterioração de seus componentes, como as pavimentações desgastadas, trajetos longos, o clima e demais eventuais imprevistos que sempre podem ocorrer.

E, dados esses fatos, a deterioração acaba sendo algo comum, uma vez que não podemos lutar contra todas essas causas de uma vez. Porém, para se adiantar, o caminhoneiro pode ficar atento e, de antemão, se prevenir sabendo quais são as peças que geralmente mais sofrem danos nas estradas. E foi justamente pensando nessa questão das peças, que a Rede ANCORA listou algumas dicas preciosas para os caminhoneiros terem mais segurança nas estradas.

Saiba a seguir quais peças do caminhão que você precisa ficar atento!

  1. Avalie os Pneus da sua linha pesada!

O desgaste dos pneus é inevitável, seja uma viagem curta ou longa, temos de antemão que este componente do caminhão uma hora ou outra precisará de manutenção.

Fatores que podem acarretar com um desgaste rápido são: má calibragem, velocidade exacerbada nas pistas e, principalmente, curvas, carga em excesso, e os clássicos buracos entre outros obstáculos que aparecem nas estradas e ruas.

Mas, além de todos esses itens listados, você deve ter muita atenção com o próprio pneu, porque o material vai se desgastar. Os pneus possuem uma vida útil que precisa ser respeitada. Não prolongue o uso de materiais que têm prazo de validade, porque podem furar e até mesmo estourarem em pleno uso! Cuidado, a sua segurança e a dos demais deve vir sempre em primeiro lugar! Troque sempre nos períodos recomendados ou quando notar o desgaste.

  1. E a Suspensão do seu caminhão, como está?

Composto por peças como: bandejas, amortecedores, bolsões de ar e feixes de mola, o sistema de suspensão entra com um importante item da lista e quem enfrenta as estradas sabe bem como essas peças podem falhar no decorrer do caminho e como é impossível não as citar aqui.

E, mais uma vez, as estradas em condições não favoráveis são um dos maiores fatores para o que dano seja feito na suspensão. A carga do caminhão já exige demais e quando há ondulações nas pistas, obstáculos, buracos e demais imprevistos os componentes do sistema de suspensão são sobrecarregados ao ponto de o desgaste ser inevitável. E aí você já deve imaginar: prejuízo.

Vemos que, geralmente, o motivo de pausas em viagens é devido a falhas nesse sistema, onde o caminhoneiro se depara com problemas como: rompimento de amortecedores, feixes e dos bolsões de ar.

  1. Sistema de freio

E por falar em exigência de sistemas da linha pesada, temos aqui um dos campeões: o sistema de freio. E se você transporta cargas pesadas sabe bem do que falamos. Fatores como o peso, e freadas bruscas e contínuas ocasionam no superaquecimento do sistema e pode vir a romper as lonas e tambores.

O problema mais presenciado é o do rompimento das lonas, que, em sua maioria, é causado pelo desgaste da peça, que entra em atrito no momento da frenagem.

Outro problema comum é o rompimento das mangueiras do sistema hidráulico, que também podem ser rompidas por conta da alta pressão ou devido a batidas com obstáculos das pistas.

Por essas e outras razões, aconselhamos que você, caminhoneiro, guie o seu caminhão de forma adequada e evite ao máximo utilizar excessivamente os freios, principalmente em declives. Uma dica é você usar o freio-motor.

  1. Conjunto de faróis e luzes

Um componente clássico que costuma falhar frequentemente: o sistema de luzes do caminhão, especialmente os faróis.

E, mais uma vez, as estradas são as principais causadoras dos defeitos nesse sistema. Ondulações, buracos entre outros problemas fazem com que o conjunto trepide ao longo do percurso, causando danos.

Mesmo que a suspensão faça o seu papel, impedindo maiores atritos, nem sempre é o bastante para impedir o rompimento do filamentos de lâmpadas ou que os plugues elétricos de lanternas e dos faróis se soltem com o tempo, parando de funcionar completamente.

E atenção! Problemas no sistema de iluminação do veículo podem ter relação com a parte elétrica do caminhão, uma vez que componentes como alternador, bobina, cabos ou na bateria podem ter acumulado zinabre.

A solução para esse problema é simples, porém, caso não seja tratado logo, além de atrapalhar a viagem pode ocasionar danos sérios.

Lembre-se sempre também da legislação, já que lanterna quebrada é sinônimo de infração de trânsito e multa!

E, para finalizar: a manutenção preventiva deve ter toda a sua atenção!

Diferentes sistemas e peças podem falhar nas estradas. E, muitos desses problemas você pode evitar, já outros – como os problemas das estradas são inevitáveis.

Mas uma coisa é certa: grande parte dos problemas dos caminhões são gerados pela falta de manutenção. Realizar a manutenção frequentemente é adotar uma postura responsável para com você e para com os demais, além de ser uma medida econômica a longo prazo.

A manutenção, diferente do que muitos pensam não é um gasto e sim um investimento que assegura a sua segurança. E todos os sistemas e peças que citamos no texto poder ser checados periodicamente.

Recomendamos que você fique sempre atento aos sinais que o seu caminhão der. O cuidado preventivo é sempre um aliado.

E agora que contamos a você quais são as peças de caminhão que mais quebram, contamos onde você encontrará a solução: na loja Rede ANCORA mais próxima a você! As lojas Rede ANCORA possuem um portfólio completo com as maiores marcas do setor de reposição automotiva para linha pesada. Clique aqui e encontre a loja mais próxima a você!

Rede ANCORA – A Força de Uma Grande Parceria!